Bíblia Aberta/Lucas/V

Wikisource, a biblioteca livre
< Bíblia Aberta‎ | Lucas
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lucas - Capítulo V
por Vários


Esta página também faz parte do Projeto Bíblia Aberta.

Jesus convida pescadores para serem seus discípulos[editar]

1 Jesus[1] estava perto do lago de Genesaré. E aconteceu que ele estava sendo empurrado pela multidão que ouvia a palavra de Deus. 2 Então ele viu dois barcos parados perto da margem do lago; mas os pescadores tinham saído dos barcos[2], e estavam lavando as redes. 3 Ele entrou num dos barcos, que era de Simão, e lhe pediu que se distanciasse um pouco da terra; então ele, sentado no barco, ensinava para as multidões. 4 Quando ele terminou de falar para as multidões[3], ele disse a Simão:

- Vá para águas mais profundas, e lancem as redes para pescar.

5 E Simão respondeu:

- Senhor, nós trabalhamos a noite toda, e nada pegamos; mas por tua palavra lançarei a rede.

6 Ao fazerem isso, pegaram uma grande quantidade de peixes; tantos que a rede deles estava se rasgando. 7 Então eles fizeram gestos aos colegas que estavam em outro barco, para virem ajudá-los; eles vieram, e encheram ambos os barcos, de modo que estavam a ponto de afundar. 8 Ao ver isso[4], Simão Pedro caiu voltado para os joelhos de Jesus, dizendo:

- Vai para longe de mim, Senhor, porque eu sou um homem pecador!

9 Porque ele e todos os que estavam com ele ficaram espantados por causa da pesca de peixes que tinham feito; 10 e tabmem ficaram assim espantados[5] Tiago e João, filhos de Zebedeu, que eram colegas de Simão. Então Jesus disse a Simão:

- Não tenha medo; a partir de agora você será pescador de gente.[6]

11 Eles levaram os barcos para a terra, deixaram tudo, e o seguiram.

Jesus cura um leproso[editar]

12 Aconteceu que, quando Jesus[7] estava em uma cidade,[8] eis que havia um homem cheio de lepra;[9] e ele, ao ver Jesus, abaixou-se com o rosto voltado ao chão[10], e lhe suplicou, dizendo:

- Senhor, se quiseres, tu podes me tornar limpo.[11]

13 Jesus estendeu a mão e o tocou, dizendo:

- Eu quero. Seja limpo.

E logo a lepra sumiu dele.

14 Jesus[12] lhe mandou que contasse isso[13] a ninguém:

- Mas vai até o sacerdote, e traz a oferta pela sua purificação, assim como Moisés ordenou, para que lhes seja como testemunho.

Jesus cura um paralítico e perdoa percados[editar]

15 Porém as notícias sobre Jesus[14] se espalhavam cada vez mais, e grandes multidões se juntavam para o[15] ouvirem e serem curadas[16] de suas doenças;[17] 16 mas ele se afastava para lugares desertos[18], e ali[19] orava.

17 E aconteceu um certo dia, que ele estava ensinando, e estavam sentados fariseus e instrutores da lei, que tinham vindo de toda aldeia da Galileia e da Judeia, e de Jerusalém; e o poder do Senhor estava com ele para curar[20]. 18 E eis que alguns homens traziam num leito uma pessoa que era um paraítico. Eles pretendiam trazê-lo, e colocá-lo diante de Jesus.[1] 19 Mas como eles não acharam um meio de levá-lo, por causa da multidão, então eles subiram sobre o telhado, e por entre as telhas, desceram o leito no meio, de frente a Jesus. 20 E ele, ao ver a fé deles, disse-lhe:

- Homem, seus pecados estão perdoados.

21 E os escribas e fariseus começaram a discutir, dizendo:

- Quem é este que fala tais ofensas a Deus?[21] Quem pode perdoar pecados, a não ser somente Deus?

22 Mas Jesus, a perceber seus pensamentos, disse-lhes:

- O que vocês discutem em seus corações? 23 O que é mais fácil? Dizer "Seus pecados estão perdoados", ou dizer "Levante-se e ande"? 24 Para que vocês saibam que o Filho do homem tem autoridade na terra para perdoar pecados,

(ele disse ao paralítico:)

A você eu digo: levante-se, pegue o seu leito, e vai para sua casa.

25 E logo ele se levantou diante deles, pegou o leito em que estava deitado, e foi embora para sua casa, glorificando a Deus. 26 E todos ficaram muito admirados, glorificaram a Deus, e se encheram de medo, dizendo:

- Hoje vimos coisas incríveis![22]

Jesus convida Levi, e depois come com pecadores[editar]

27 E depois disso ele saiu, e viu um cobrador de impostos, de nome Levi, sentado no posto de coleta de impostos. Então ele lhe disse:

- Siga-me.

28 Então Levi[23] deixou todas as coisas, levantou-se, e o seguiu. 29 Levi lhe preparou um grande banquete em sua casa; e havia uma multidão de cobradores de impostos e outras pessoas que estavam sentados à mesa[24] com eles. 30 Porém os fariseus e seus escribas murmuravam contra os seus discípulos, perguntando:

- Por que vocês comem e bebem com os cobradores de impostos e pecadores?

31 Jesus lhes respondeu:

- Os que estão bem de saúde não precisam de médico, mas sim os doentes. 32 Eu não vim para chamar os justos, mas sim aos pecadores, para que se arrependam.[25].

33 Então lhe disseram:

- Os discípulos de João jejuam com frequência, e fazem orações, assim como os dos fariseus; mas os teus discípulos[26] comem e bebem.[27]

34 Jesus[28] lhes respondeu:

- Os convidados do casamento[29] não podem jejuar enquanto o noivo está com eles, não é verdade? 35 Mas virão dias em que o noivo lhes será tirado, e então nesses dias eles vão jejuar.

36 Então ele também lhes disse uma parábola:

- Ninguém tira remendo de uma roupa nova para remendar uma roupa velha; porque senão a roupa nova ficará rasgada, e o remendo da nova não servirá para a velha. 37 Também ninguém põe vinho novo em odres[30] velhos; porque senão o vinho novo rasgará os odres, e se derramará; e os odres não servem mais. 38 Mas o vinho novo é posto em odres novos.[31] 39 Ninguém[32] que bebe vinho[33] velho quer[34] o novo, porque diz: "O velho é bom".[35]

Referências[editar]

  1. 1,0 1,1 Jesus foi adicionado para dar clareza
  2. Literalmente deles
  3. para as multidões foi acrescentado para dar clareza
  4. isso foi adicionado para dar clareza
  5. espantados foi adicionado para dar clareza
  6. Ou pescador de seres humanos
  7. Literalmente ele. Jesus adicionado para dar clareza
  8. Literalmente uma das cidades
  9. lepra pode se referir a diversas doenças de pele
  10. abaixou-se com o rosto voltado ao chão: Literalmente caiu sobre o rosto
  11. Ou tu podes me curar. A lepra era vista mais como uma sujeira do que uma doença.
  12. Literalmente ele.
  13. isso foi acrescentado para dar clareza
  14. Literalmente ele. Jesus foi adicionado para dar clareza
  15. o foi acrescentado para dar clareza
  16. Robinson-Pierpont e Textus Receptus incluem por ele depois de curadas
  17. Ou enfermidades
  18. Ou desabitados
  19. ali foi acrescentado para dar clareza
  20. Robinson-Pierpont e Textus Receptus contêm o poder do Senhor estava [presente] para os curar ao invés de o poder do Senhor estava com ele para curar
  21. Ou quem é este que fala tais blasfêmias?
  22. Ou extraordinárias
  23. Levi acrescentado para dar clareza
  24. à mesa foi acrescentado para dar clareza
  25. Literalmente mas sim aos pecadores, ao arrependimento
  26. discípulos acrescentado para dar clareza
  27. Robinson Pierpont e Textus Receptus contêm a frase como uma pergunta: Por que os discípulos de João jejuam com frequência, e fazem orações, assim como os dos fariseus; mas os teus [discípulos] comem e bebem?
  28. Robinson-Pierpont e Textus Receptus omitem Jesus
  29. Literalmente os filhos da sala do noivo
  30. espécie de sacolas de peles de animais para guardar líquidos
  31. Robinson-Pierpont e Textus Receptus acrescentam e ambos se conservam no final do versículo
  32. Robinson-Pierpont e Textus Receptus contêm E ninguém
  33. vinho foi acrescentado para dar clareza
  34. Robinson-Pierpont e Textus Receptus contêm quer logo
  35. Robinson-Pierpont e Textus Receptus contêm O velho é melhor