Carta de Dom Pedro II para sua irmã Januária (9 de maio de 1863)

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Carta de Dom Pedro II para sua irmã Januária (9 de maio de 1863)
por Dom Pedro II

Rio 9 de Maio de 1863


Cara Mana

Todos bons. D´aqui não ha novidade alem da provavel dissolução da Camara, por não ter o Ministerio maioria e eu julgar que o actual será o que melhor possa por sua composição, presidir ás eleições, alem de ter popularidade por causa da questão ingleza que é conveniente que seja elle quem conclua.

Hasde ouvir talvez fallar do que succedeu entre mim e por Elles se representante da Inglaterra, e não tendo tempo para escrever mais direi simplesmente que apenas o trates com seccura como elle mesmo reconhece que é natural attentes as relações entre os dous governos. Creio que não passará a questão dos câncons diplomaticos.

O negocio de teu dote e de teus hade ser tratado em sessão do Conselho d´Estado de 16. Creio que o negocio hade ir ao Corpo legislativo e se houver dissolução fica para o anno.

Adeus! Muitas lembranças aos teus, um abraço ao Luiz e outro a ti saudosissimo de

Teu Mano do coração

Pedro