Deixaste o dedal na mesa

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
(Deixaste o dedal na mesa)
por Fernando Pessoa
Quadra escrita por Fernando Pessoa. Agrupada postumamente (em 1965) como Quadras ao Gosto Popular.[*]

Deixaste o dedal na mesa
Só pelo tempo da ausência —
Se eu to roubasse dirias
Que eu não tinha consciência.