Meia volta, toda a volta

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Meia volta, toda a volta,
Muitas voltas de dançar...
Quem tem sonhos por escolta
Não é capaz de parar.