Página:A Bella Madame Vargas.djvu/29

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
21
acto primeiro

que não renunciam a nenhum prazer, devem a todos, e cometteriam crimes para beber champagne nos clubs, flirtar, ter amantes, gosar—se não tivessem medo ao codigo. Toda essa gente accumula despeitos contra os que encontram a felicidade. Hortencia defende-se do ataque ha muito tempo, á espera do Lohengrin. Tape os ouvidos e fujam.


José 

O senhor é fulminante.


belfort 

Digo apenas o que todos sabem. Sou banal! {{small|(Mudando de tom.) Mas estas flores! As flores anunciam sempre o desejo que tem a gente de ser ou parecer feliz. Estas são mais denunciadoras que uma declaração.


José 

Entretanto, só agora percebeu.


belfort 

É que eu só comprehendo logo o que