Página:A Guerra de Canudos.djvu/158

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
138
A Guerra de Canudos

E mesmo a occasião não era azada para se tentar novo ataque ; apóz as dolorosas contingencias em que se debatia, a 4ª expedição necessitava de nova organização; cumpria ser apurado o numero dos combatentes existentes e válidos, ser dado balanço nas munições e effectuada para Monte Santo a remoção dos feridos, já perto de 1.000. Só depois d'essas urgentes providencias, seria practicavel novo plano de hostilidades contra a Cidadella, á cuja vista estávamos apenas e já nos empenháramos em 7 combates, que eliminaram das fileiras 1.200 combatentes

Foram organizados dois hospitaes, um para cada força, respectivamente; o correspondente á 1ª columna, permanecia em extensa e larga valla á direita, terminando ao sopé do Morro Vermelho, emquanto que o da 2ª, foi estabelecido na retaguarda. Ambos regorgitavam de feridos, officiaes e praças na maior promiscuidade, envolvidos na mesma sangueira misturada com a terra, por sua vez avermelhada. Os lamentos d'aquelles desventurados em tão grande numero, muitos já invadidos pela gangrena, outros expirando famintos e sedentos, davam tom demasiado lugubre áquelle raro e commovedor espectaculo.

A' isso accrescente-se o calôr asphixiante, sem uma aragem que o attenuasse, esbatendo