Página:A Guerra de Canudos.djvu/213

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
181
A Guerra de Canudos

grave erro. Os fanaticos, aproveitando essa circunstancia e mantendo perfeita rede de espionagem, não deixariam de atacar a força pela retaguarda e principalmente o flanco direito, envolvendo-a em tres fogos e para tudo isso lhes bastariam uns 500 homens, que nos colocariam em posição embaraçosa, estabelecendo-nos outro sitio, em local menos apto para a defeza, accarretando, além d'isso, embaraços ás manobras d'artilharia, que, deixando seus reductos, tão custosamente construidos, teria de evolver n'um terreno para ella pouco adequado.

Aquelle commandante, estabeleceu a hypothese de que os fanaticos atacando-nos pela retaguarda, a columna da frente, ou a que operasse mais desembaraçada, penetraria rapidamente no arraial; isso seria viavel, no caso em que o inimigo abandonasse em massa o povoado. Mas tudo indicava o contrario; pois, tal procedimento nunca elle teve e não tel-o-ia em circunstancia como aquella, para elle tão grave.

A posição da Favella deveria sempre, como aconteceu, constituir o eixo das operações em volta de Canudos. Lá, estavam bem collocados o grosso da artilharia, depositos, hospitaes, etc, sendo o ponto tambem de convergencia de varias estradas, posição dominante e emi-