Página:A Guerra de Canudos.djvu/236

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
200
A Guerra de Canudos

bilidade, é izenta de praticar certas acções só, ao cargo da infantaria.

Comtudo, a theoria do coronel Telles em Canudos foi praticada e occasião houve em que a artilharia foi empregada a passo de carga, atirando á queima-roupa, só faltando ser projectada sobre o inimigo com os armões, viaturas e o mais.

Na impetuozidade do ataque, parte da força attingiu ao centro do arraial, só parando em frente a praça, desabrigada e varrida pelos fogos do inimigo. Parte da esquerda e toda direita do povoado ainda eram d'elle, que fuzilava nossa gente, de occupação nas extremidades d'esses flancos. Uns 80 homens nossos foram até proximo á latada; entre elles estavam o coronel Telles, tenentes-coroneis Dantas e Tupy e majores Seixas e Sampaio; ali se mantinham semi-abrigados em casas, varadas á cada instante pelos projectis, o que importa dizer que tal abrigo era simplesmente illusorio. Ainda assim, tão mal collocados, aquelles commandantes pensavam em tentar mais um esforço; queriam talvez occupar á viva força a grande igreja; nas circumstancias citadas, jámais fal-o-iam, com o pessoal de que dispunham.

Todavia, enviaram um pedido de reforço ao general Arthur; mas não existia força al-