Página:A Guerra de Canudos.djvu/406

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
342
A Guerra de Canudos

crescida com as das bolsas dos soldados mortos no ataque e perdidos nas innumeras viellas e nos meandros do impenetravel labirintho de casas e fortificações.

Portanto, estavam os fanaticos com os dias contados. Si bem em que numero sufficiente para uma resistencia prolongada, apoiados na inimitavel constancia do fanatismo com que sustentavam a sua abominavel causa, senhores das posições, quiçá as mais fortes de Canudos, comtudo, aquelles homens de tempera tão rija etão fórte, em breve, acossadas pela fome e pela sêde, render-se-hiam a discrição, si antes não morressem combatendo. Salvação, era o que para elles não existia mais.



N'esse combate, em que os fanaticos desenvolveram o mais desesperado e resoluto valôr na defeza dos seus lares, ao tempo em que nossos officiaes e soldados manifestaram o maior arrojo e impetuosidade nas varias cargas effectuadas contra obstaculos formidaveis, içando um terreno inteiramente desconhecido; os nossos prejuizos não podiam deixar de ser dolorosos, como aconteceu, tendo ainda como causa o horrivel cruzamento de fógos, os milhares de balas de todos os pontos, varrendo