Página:A Guerra de Canudos.djvu/77

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
63
A Guerra de Canudos

Os poucos moradores lá encontrados, eram de apparencia rachitica e doentia, macillentos e enfraquecidos pelas palustres, que ali produzem estragos consideraveis. De natureza desconfiados, fugiam para o mato á nossa approximação; mas vieram depois, voltando timidamente, confiantes no bom trato que encontravam.

Com a nossa chegada a triste povoação se animou e o movimento diario das forças, com os exercicios e tocatas das musicas, desentorpeceo a villa, d'antes tão silenciosa. Comtudo, ali encontramos pessoal de cultivo, como o juiz Municipal e outros cidadãos, de tracto ameno e esmerada educação, entre os quaes citaremos o negociante, capitão Jezuino Corrêa de Sá, de quem conservamos saudosa recordação.

Os officiaes, bem como muitas praças, se aboletaram nas casas vasias. Havia algum conforto n'aquellas habitações, apóz tantos dias de marcha, dormindose no mato, entre reptis, aturando aguaceiros e sóes terriveis. Quando ali chegou a brigada, estavam alguns officiaes e muitos soldados, doentes de sezões, contrahidas na longa travessia do sertão. Foi instalada uma enfermaria provisoria a cargo do Dr. João Tolentino e montada uma pharmacia, sob a direcção do alferes Dias Ribeiro. Com surpreza, vimos em pontos tão remoto ur-