Página:A Vida de Antonio Rodrigues Ferreira.pdf/39

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
51
DO INSTITUTO DO CEARÁ


réis com um mausolêo no cemiterio de S. João Baptista[1], e finalmente nomeou uma commissão central na Capital, incumbida de promover a acquisição de meios para levar a effeito um monumento na Praça do Ferreira, á construcção do qual deverião applicar-se aquelles 5 contos de réis[2].

Essa commissão compunha-se dos Barões de Ibiapaba e de Aquiraz, Visconde de Cauhipe e Drs. Manoel Fernandes Vieira e Paulino Nogueira Borges da Fonseca, mas nunca fnnccionou, a principio por se acharem na Côrte, como deputados geraes, os 2.º, 4.º e 5.º membros, depois por morte dos 3.º e 4.º.

Eis o varão cuja vida me propuz a esboçar.

Que elle tinha faltas, quem ousará contestar?

Quem não as terá? Perfeito só Deus.

Ninguem nasce sem defeitos, disse Horacio; o melhor é o que menos os tem. Nam vitiis nemo sine nascitur; optimus ille est qui minimus urgetur.[3]

Mas delle pode-se bem dizer:

Sua vida privada foi um curso de caridade para os corações piedosos;

Sua vida publica um curso de politica para os verdadeiros patriotas.



  1. Actos das sessões de 16 de Abril e de 24 de Julho de 1876, e lei provincial n.º 1585 de 26 de Setembro de 1813, art. 16 § 38
  2. Acta da sessão de 8 de Julho de 1876
  3. Satyra, Pag 20