Página:A bandeira nacional (Eduardo Prado).pdf/10

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
HISTORIA


« A bandeira recorda o Passado, donde proviemos, a Posteridade[1], por quem trabalhamos, e o Presente, que fórma o élo movediço dessas massas indefinidas das gerações humanas. Este symbolo corresponde a tudo quanto o outro (a antiga bandeira de 1822, feita por José Bonifacio e Pedro I) tinha de essencial. Ella lembra, naturalmente, a phase do Brasil-Colonia nas côres azul e branca que matizam a esphera, ao mesmo tempo que esta recorda o periodo do Brasil-Reino, por trazer á memoria a esphera armillar. Desperta a lembrança da fé gloriosa dos nossos antepassados e o descobrimento desta parte da America, não mais por meio de um signal, que é actualmente um symbolo de divergencia (a cruz de Christo), mas por


  1. Recordar quer dizer: — tornar a trazer á memoria. — E’ verbo que só se applica ao passado. É impossivel recordar a posteridade, pois a posteridade é cousa futura.