Página:A campanha de Canudos.pdf/99

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
a campanha de canudos
95

A Bahia não é uma população vencida, e pelo seu passado, pelo seu honroso presente, pela sua fidelidade á Constituição jurada, não é merecedora de semelhantes represalias, indignas na pessoa do adversario, quanto mais no seio de uma popu­lação ordeira, donde sahiram os defensores da patria, aquellas legiões de Alcides que, nos campos sanguinosos do Paraguay, si tombaram, foi no chão da Historia. Ella soube sempre, garbosa e enthusiastica, pagar o seu tributo de sangue; ella jámais olvidou glorificar a memória dos heróes sacrificados nas aras da patria ; e ainda agora ella não recusa sacrificios em prol das instituições republicanas.

Que o soldado brazileiro, dignificando a classe, tambem honre o nome da Bahia, não perturbando-lhe a paz em que alicerça as suas crenças democraticas. »

O procedimento da soldadesca, entretanto, reflectia tambem a injusta e errada opinião que, conforme já se viu, vogava na Capital Federal a respeito da attitude, assumida pelo povo bahiano ante os alarmantes acontecimentos de Ca­nudos.

Os incidentes, occorridos após a morte do coronel Moreira Cesar, entre os quaes não foi de menor importancia o empenho com que grupos de exaltados procuravam homens de represen­tação politica pelo Estado para desfeiteal-os, e talvez mesmo aggredil-os, demonstram como se tinha formado uma falsa e triste opinião sobre a verdade dos factos.

Como um protesto foi, então, passado á imprensa do Rio de Janeiro o telegramma que se segue:

« A imprensa bahiana, unanime, pelos orgãos infra desi­gnados, sciente de que na Capital Federal se procura formar a falsa opinião de se considerar a Bahia reducto da monarchia, protesta em nome de todas as classes sociaes, que legitimamente representa, coutra tão iujusta e offensiva suspeita; o affirma como incontestaveis verdades a opinião republicana d’este Es­tado e a sinceridade do seu apoio ás instituições vigentes.— 14 de março de 1897 — Correio de Noticias — Estado da Bahia — Jornal de Noticias — Diario da Bahia — Gazeta de Noticias — Pantheon — Diario de Noticias — Cidade do Salvador.»