Página:Arte de Grammatica da Lingoa mais Vsada na Costa do Brasil (Anchieta 1595).djvu/105

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
LINGOA DO BRASIL
50

tar, com as mãos, ſe ſoe applicar a qualquer couſa, ainda q̃ não ſeja humana.Aporobiquî abſolute: ainda que tambem eſte parece ter algũ reſpeito a iſſo, como quẽ diz faço pera homẽs maxime quãdo ſignifica contrectare. Tambem ſe pode vſar dalgũs em ſubiectam materiã reſpectu ſui generis, como dizendo dos brutos poromonhánga generare. Das aues de rapina,poro picíca, capere prædam, ſed hæc rariſsime.

Poró, ſe não tem atras, outra parte , diz morô, vel. mborô, vt ſupra.

Tambem com verbos neutros ſe poem, moro, abſolute & ſempre ſe applica a homẽs, vt, Céma,morocéma ſair de homẽs, & ſomente ſe vſa nos tẽpos q̃ não tẽ articulo,& aſsi o cõmũ he vſarſe ſempre do morô, neſtes verbos neutros, & nomes ſem lhe porẽ ſuppoſto nenhũ, vt, Tíng, branco, morotîng, &; não, xemorotíng, nẽ, ymorotĩg, porq̃ então vſa ſe dos ſimples, vt, ting, morojûb, yjûb, xejúb.

Nos feitos abſolutos de actiuos, ſe poem ſuppoſtos ẽ todas as poſſoas, vt, aporerecô, vel xeporerecô, por que muitos deſtes não tem articulo, vt ſupra, & então, hão de ſer , poro, vt, xeporerobiâr, & ficando abſolutos ſem ſuppoſto tẽ, morô, ſomẽtes.

3. ¶ Quando o accuſatiuo não he ſomẽte tocante á couſas humanas meteſe qualquer nome, & ficão tambem abſolutos, vt, , como, Ambaêú, como couſas, algũa couſa,Apirâú,como peixe, Aicotûc, furo, Anambîcotûc, furo orelhas, Ateçâ cotûc, furo olhos, Ambôcotûc, furo mãos.

Eſtes da terceira maneira pera ſerẽ actiuos ão lhe de

expri-