Página:Arte de Grammatica da Lingoa mais Vsada na Costa do Brasil (Anchieta 1595).djvu/34

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
ARTE DA


Em nomes de eruas, fruitas, animaes, materiaes, começados por, t. não ſe muda o, t. em r. vt.

Tajâ, nome de hũa raiz.

Xètajâ, ytajà, otajâ.

Tagoâ, Tobâtínga, nomes de barro.

Xètagoâ, ytagoâ.

Em nomes de animaes, não ſe ſoe pôr antes o adiectiuo, ou genitiuo, vt Tapiíra, vaca não ſe diz, xétapiîra, minha vaca, ſenão xéreimbâba tapiîra. pirâ, peixe, pira não ſe diz, xépirâ, ſenão xérembiara, pirâ.

✠ Eſt autem mimbába, qualquer animal manſo que homem cria, ou amanſa & præpoſto o relatiuo diz, Ceimbába, com ſuas mudanças de letras, vt xereimbába, oeimbaba.

Mbiàra, da meſma maneira quer dizer preza addito Ce, por relatiuo, vt Cembiára, xerembiára, oembiára.

Algũs outros nomes ha que guardão o meſmo, mas tem ſubintellecto, o adiectiuo, meus, em todos os caſos vt Aî, minha mãy. O macho chama à irmã. pei ̂̑, guaupíra, minha irmã, e a meina ſobrinha, itô, titô, guaitô, A irmã ao irmão, ai ̂̑, guaiâ, o pay & mai ao filho macho. piâ Ao pay ou ſenhor, paî, Afemea a ſua ſenhora, ou qualquer molher honrrada, Tapê, O maçho, Taupê, qualquer molher diz, guaîa, mano, ou meu mano hũa molher â outra quij ̂̑, quinai ̂̑, nai ̂̑, mana, minha mana & alia que deue dauer deſta forma.

Todos os mais maxime vocando nunqua ſe poem ſem o adiectiuo, meus, noſter, expreſſo, vt pai,