Saltar para o conteúdo

Página:Batalha de Oliveiros com Ferrabraz.pdf/20

Wikisource, a biblioteca livre

\


-37


-36


OliveiíOS ahi se ergÍ'teu
Marcou-lhe a cabeça ao 111eio
Que foi o golpe ,nais leio
Que uni cavallciro já deu.
Fcrrabraz cstren1eccu
E quasi perde o sentido,
Ficando 11
111tfllo abatido.
Já con1 os golpes pri,neiros
Disse con,sigo Oliveiras:
-Esse está quasi vencido.


E tornou a repetir 1
Outro golpe des111arcado,
O turco 11111ito cançado
Quasi o golpe o íaz cahir,
Não podendo re istir
O golpe não respondeu,


'

Oliveiras conheceu
A ( tlta de ligeireza,
Mas viu que aquella fraqueza
Não era defeito seu.


Disse Olivciros co,n igo,
Meu Deus-se vós concedesse
Que esse turco conhecesse
Que é feliz viver co1nligo.


 Livrari:.1-0 do perigo
'


 


'

 


 

 

De su'nlinn se perder,
O céo linha de colher
lJ111a alrna q11asi perdida
(Juc depois de arrependida
JJodi:i se converter.

í.: vús oh ! vi rgc111 Maria ·
Mãe cios triste peccadores
Concedei vossos f:ivores
'Nl'st.1s horns de ;1,~011ia
Pnr aq11ellc grande dia X
Dn paixõc~ê cio l~cclc111plor
Por aquclla horrivcl dor
De teu an1r1do Jesus
Pelos 111arlyric)s da cruz.
Pelo frit) J1l'ln cnlor.

'

·rocni este coração ..
Parn tornares fiel (
Conhcça u111 Deus de l5rael
Co1110 n11tor dn criação
Que nãc) perca n salvação
(Jue :lC) vosso filho custou
JJois seu sangue tlerrnn1ou
Sobre 11111 n1adeir<> pregado
1;n2ci quc esse clcsgraç;do
Seja <ie vt'1s t:<) 1110 cu <;ou.