Página:Broqueis.pdf/44

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



E então, na treva, em mysticas dormencias,
Destilla, com sidéreas lactescencias,
Das Virgens o somnambulo cortejo...

Ó Fórmas vagas, nebulosidades!
Essencia das eternas virgindades!
Ó intensas chiméras do Desejo...