Página:Chrysalidas.pdf/140

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Ah! faze que estas illusões tão vivas
Nunca se tornem pallidas lembranças;
E nem voem as minhas esperanças
Como um bando de pombas fugitivas!