Página:Contos Tradicionaes do Povo Portuguez.pdf/284

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



*

Era uma vez um homem
Que vivia n’uma aldeia,
Não tinha medo á fome
Em tendo a barriga cheia.

*

«Era uma vez
Um porco montez,
Alça-lhe o rabo,
Chupa-lhe o pez.
— Alça-lh’o tu,
Que és mais cortez.
«Chupa-lh’o bem,
Quanto mais chupas
Mais elle tem.

II. — Fórmulas finaes

Quem o disse está aqui,
Quem o quizer saber vá lá.

*

A certidão está em Tondella,
Quem quizer vá lá por ella.

*

Está a minha historia acabada,
Minha bocca cheia de marmellada.

*

Está a minha historia dita,
E a tua bocca cheia de furrica.

15