Página:Contos Tradicionaes do Povo Portuguez.pdf/510

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


113. A mulher que cegou o marido. — Apparece este conto no Pantchatantra, (Vid trad. franceza de Lancereau, p. 265) com o titulo O Brahmane e sua mulher.


114. O tolo e as moscas. — Pittré colligiu tambem esta facecia nos seus Contos sicilianos. (Vid. critica na Revue des Deux Mondes, 15 de Agosto de 1875, p. 857.)


115. Já que tanto teima. — No Conde de Lucanor, de D. João Manoel, n.º XXXIV, fl. 101, v., encontra-se como conto o que em Portugal se repete quasi que exclusivamente como locução.


116. Tic-taco. — Esta facecia insulana acha-se nas Notte piacevoli de Straparole (Facetieuses nuits, nuit II, fab. 5.) Um fabliau da Edade media desenvolveu este conto De la Dame qui attrapa un Prêtre. Vid. outros paradigmas na versão franceza de Straparole, p. XX.


117. As orelhas do Abbade. — Esta vulgarissima facecia já se encontra na Sobremesa y Alivio de Caminantes, conto 51, da edição Ribadaneyra, p. 181.

Acha-se no Fabliau des Perdrix (Recueil de Fabliaux, p. 159); no Passa tempo dè Curiosi, p. 22; nos Nouveaux Contes à rire, p. 266; nas Facetie, motti et burle, da Ch. Zabata, p. 36; e nos Contes du Sieur d'Ouville, t. II, p. 225.


118. Os duzentos carneiros. — É um conto typico; encontra-se no Castoiement d'un Père à son Fils; nas Cento Novelle antiche, n.º XXX; no Don Quijote e no Recueil de Fabliaux, p. 1, Paris, 1829. (Bibl. choisie.)


120. Lenda da Mãe de S. Pedro. — Acha-se em muitas terras de Portugal; Pittré encontrou-a na tradição italiana, mas em vez de ser a rama de cebola é uma fo-