Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/171

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


provocado pelo ministro inglez no Rio de Janeiro — Foi impressa no Diario de Pernambuco, e n'outras folhas do imperio transcripta.

Episodio da esquadra brazileira em operações nas aguas do Paraguay a 19 de fevereiro de 1868. Batalha de Humaytá. (Em verso) Parahyba, 1868, in-4º — Sahiu n'uma folha da Parahyba uma critica pouco favoravel a esta composição, a qual levou o doutor Cruz Cordeiro a escrever:

Estudos litterarios: A poesia Batalha do Humaytá e a critica lançada no Jornal da Parahyba. Parahyba, 1869 — E' um volume de 400 paginas in-16°, em que o autor refuta a critica feita á sua composição poetica, dividido em duas parte : A 1ª parte comprehende nove artigos que publicara no periodico Despertador de 10 de fevereiro a 15 de março de 1869. A 2º comprehende dezenove artigos, publicados de 19 de março a 29 de maio do dito anno, e mais um post scriptum, datado de 4 de dezembro.

Discurso proferido no dia 9 de agosto de 1880 por occasião da inauguração da estrada de ferro Conde d'Eu. Parahyba, 1880, 6 pags.


Antonio Cuba — E' natural da provincia de S. Paulo, onde parece-me que nasceu pelo anno de 1840 ou pouco depois. Residiu algum tempo na côrte, e d'aqui passou para sua provincia, onde se acha, e esceveu:

Capella da Apparecida : breve descripção da capella da Apparecida no municipio de Guaratinguetá, contendo o apparecimeuto da sagrada imagem e muitas orações, colleccionadas por Antonio Cuba e João Godoy. Guaratinguetá, 1877, 60 pags. in-4.º

Rabiscas. Rio de Janeiro, 1880 — E' uma collecção de pequenos escriptos em prosa e em verso, taes como lendas, anecdotas, adagios, curiosidades etc. O Cruzeiro, dando noticia desta publicação, diz: « No meio da gaveta do sapateiro encontra-se uma rabisca intitulada Etimologia dos nomes masculinos e nesta achamos:

Antonio — credulidade.

Serafim — fanfurrice.

Talvez que estas duas explicações expliquem a publicidade das Rabiscas

Antonio Cuba fundou e redigiu:

O Seculo: orgão democratico. Guaratinguetá, 1876 — Com titulo egual se publicou tambem na provincia de S. Paulo, em Batataes, 1881, outra folha que nada tem com esta, sendo redigida por Cesar Ribeiro.


Antonio da Cunha Brochado — Descendente de uma familia nobre, nasceu na cidade da Bahia em 1689, e falleceu em 1747.

Muito criança foi com sua familia para Portugal, onde fez o curso de jurisprudencia cesaria, obtendo o grau de licenciado, e pouco depois a nomeação para o logar de juiz da India e Mina, que exerceu por algum tempo. Acompanhando depois a Madrid seu tio José da Cunha Brochado,