Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/264

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
239
AN


Antonio Luiz do AD1ai"al e Silva - Natural, Bi não me engano, da provincia de Pernambuco, fez na faculdade desta provincia o CU1'80 de sciencias sociaes e juridicas, em que se formou, e eBcreveu : - Compilação das leis, decrêtos, regulamentos, instrucções, regimentos, consultas, pareceres, resoluções, decisões, ordens e avisos do governo sobre a arrecadação, administração e fiscaliBação dos bens -e dinheiro~ dos orphãos, mentecaptos, defuntos, etc.! dividida em trea partes. Pernambuco, 1864. Antonio Luiz Dantas de Barros Leite - Nasceu na cidade de Penedo, em Alag6as, a 13 de fevereiro de 1802, e faUeceu na côrte a 9 de junho de 1870, sendo seus paes o coronel de milicias José Gomes Ribeiro e dona Anna Felieia de Macedo Leite. Em 1817, já tendo os estudos de pre;.:>aratorios, acompanhou a Pernambuco seu pai que para ahi seguira <lontra os revoltosos de 6 de março, e ganhou por seus serviços a venera da ordem de Christo. Formando-se depois em direito na faculdade de Olinda, serviu como juiz de direito em sua provincia e aposentou-se no lagar de desembargador da relação da côrte; foi deputado em duas legislaturas e senador por Alagôas, e escreveu: - Apontamentos sobre politica e administração - ineditos. Sei da existencia desta obra por assim o affirmar o doutor Mello MOI'aes em sou Brazil Histori 'o, asseverando mais a existencia de um beIlo trabalho sobre - Os jesuitas - tambem inedito, Não sei onde param. AntQnio Luiz Fagundes - Não sei onde teve seu berço; só sei que vivia pela época. de nossa independencia no Rio de Janeiro, e que teve depois uma officina typographica, com o titulo de typographia austral e escreveu: - EZementos de musica, adoptados no regio conservlltorio de Milão, compendiados por Bonifacio Ascoli e traduzidos em vulgar. Rio de Janeiro, 1824, 81 paga, in-8 0 - Fez-se segunda edição desta obra êm 1839 com 9 estampas. Antonio Luiz Fernandes da Cunha - E' di. rectal' geral da tomada de contas do thesouro nacional, e tem exercido diversas commissões, como as de inspector da alfandega do Rio Grande do Sul, inspector da thesouraria da mesma provincia, inspector da thesouraria da Bama, e ultimamente da alfandega da côrte; é do conselho de sua magestade o Imperador; commendador da ordem da Roza; sacio da sociedade auxiliadora. da industria nacional, e escreveu: - CataZogo dos productos naturaes e industriaes, remettidos das províncias do imperio do Brazil, que figuraram na exposição nacional de 1861. Rio de Janeiro, 1862, 2 vols.