Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/285

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
260
AN


folio.- Contém este livro muitaS" figuras intercalladas no texto e (} seguido de um vocabulario francez e inglez .

. Antonio ~1:ariano de Azevedo Marques - Nascido em S. Paulo no anno de 1797 e fallecido no de 1847 ou 1848, foi um dos prim~iros estudantes que se matl'Íclilaram na faculdade de direito desta provincia na abertura da mesma faculdade, e portólnto, tendo por companheiros José Antonio Pimenta Bueno, depoie Marquez de S. Vicente, Manoel Dias de Toledo e Manoel Joaquim do Amaral Gurgel. dos quaes opportunamente occupar-me-hei, foi tambem um dos primeiros formados em direito no Brazil. Aos quillze annos já leccionava latim, facto que fez que o chamassem por antonomazia o mestri1~ho j foi poeta muito popular em sua provincia, e escreveu: - Collecção de poesias - que se conserva inedita em poder do doutor José Vieira Couto de Magalhães, como este declara em sua Revista da academia, pag, 275. - Diversos hymnos festivaes - que desappareceram com essa época de febre patriotica, como diz o doutor Couto de Magalhães, nos quaes o enthusiasmo o arJ'ebatava e palavras hel'oicas desLliam do bico de sua penna para serem logo cantadas pelo povo, como na estrophe com que se conclue uma poesia sua ao corpo civico paulist~no: E quando vos arl'anquem a victoria Esses vis com o inferno conjurados, Morrei todos - que ao menos é com gloria! - A' abm'tura da academia de direito de S. Paulo: ode - Creio que foi publicada por essa época, e vem na collecção já mencionada. Azevedo Marques foi um dos redactores do - Pharol Pa~/listano. S. Paulo, 1830 - Foi seu companheiro ne3ta empreza o doutol' José da Costa Carvalho, depois Marquez de Monte Alegre. E' de sua penna um resumo de Quintiliano, que corre com o titulo de - Caderneta ele ,'ltetorica, escripta para uso de seus discipulos. Antonio Mariano do BolD.:fi.lD. - Natural da villa de Campo-Largo, provincia da Bahia, nasceu pelo anno ele 1827, e falleceu em 1874 ou 1875. Fez na faculdade ele sua provincia o curso de medicina, recebendo o grau de doutor em 1850; e mediante os respectivo concursos, foi nomeado oppositor da secção de sciencias accessorias da mesma faculdade em 1857, substituto em 1858, e lente cathedratico de botanica e zoologia em 1862, tendo exercid,o antes desta nomeação o cargo de preparadol' de chimica organica e de pharmacia, assim como das taboas meteol'ologicas. Foi um dos professores da faculdad da Bahia, que acudiram aos reclamos da patria ultrajada pela ousadia do dictador do Paraguay, oiferecendo-se para servir na guerra que sustentámos contra a republica, para