Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/391

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
366
AU


Codigo civil e criminal. Rio de Janeiro, 1882.

Regras de direito: selecção classica em quatro partes, revocada para o imperio do Brazil até hoje. Rio de Janeiro, 1882 — Para compor esta obra o autor valeu-se de quatro autores de grande nota: Simão Vaz Barboza Luzitano, Felippe José Nogueira Coelho, João Homem Corrêa Telles, e o celebre Dupin.

Parecer sobre o processo de desapropriação, intentado pela fazenda nacional contra os Srs. Finnie, Irmãos & Comp. Rio de Janeiro, 1881.

Cortice eucharistico. Mysterio! Rio de Janeiro, 1871, 74 pags. in-8° — Só no verso do frontespicio desta obra occorre a assignatura autographa do autor, prevenindo publicações apocryphas. No fim da obra vem uma composição poetica em latim, e depois traduzida com este titulo: A caixa eucharistica de sobreiro, por admiravel artificio fabricada segundo as leis da esculptura pelo padre Sebastião de Novaes, da companhia de Jesus, cantava em melodia purissima o padre Antonio Vieira, cultissimo nas divinas e humanas lettras.

Pedro quer ser Augusto — E' um opusculo de 18 pags. in-8° sem frontespicio. Só no fim se acha o nome do autor, abaixo da data, Rio de Janeiro, 13 de abril de 1872.


Augusto Teixeira de Freitas, 2° — Filho do precedente, nasceu no Rio de Janeiro e é ,bacharel em sciencias sociaes e juridicas pela faculdade de S. Paulo. Dedicou-se, como seu pai, á advocacia, trabalhando com elle no mesmo escriptorio ; é socio do instituto da ordem dos advogados, e escreveu:

Formulario annotado do processo civil: consolidações e citações. Rio de Janeiro, 1878.

Novo manual da guarda nacional ou a lei n. 602 de 19 de outubro de 1850, commentada e additada com todas as disposições da lei e respectivas decisões do governo até 1879, inclusive a lei n. 2395, de 10 de setembro de 1873, que a alterou, e o decreto n. 5513, de 21 de março de 1874, que deu regulamento á nova organização da guarda nacional, e mais o decreto n. 6759 de 1 de dezembro de 1877, que reorganizou a guarda nacional desta côrte, com um appendice. Rio de Janeiro, 1880.

Manual do contribuinte do sello, contendo, além de um repertorio indicativo deste imposto, e das isenções segundo o ultimo regulamento, a integra deste regulamento, additado com a legislação respectiva, Rio de Janeiro, 1880, in-8.°

A lei eleitoral vigente. Rio de Janeiro, 1881 — A este volume, de mais de 800 pags., acompanha um formulario com um appendice de trechos de discursos, fragmentos da constituição, do acto addicional, e do codigo criminal. Na Gazeta de Noticias da côrte de 12 de março deste anno vem uma noticia bibliographica deste livro.

Processo das quebras e rehabilitação dos fallidos, Rio de Janeiro, 1881.