Página:Espontaneidades da minha alma.djvu/103

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

— 103 —

A MINHA VIAGEM.

ao meu amigo


Só tu, e o vasto mar... e a saudade!...
Garmet




No sonho febril da vida
Por amor fujo da terra,
Illusoria e fementida,
Só cheia d’odios e guerra:
Busco as ondas buliçosas,
Amo o rugido do mar,
Eu amo o sopro do vento
No seu forte sibillar!

Corre, corre, e sem receio
Meu fraco, debil madeiro
Não temas do mar o seio
Que é o elemento primeiro.
Não ha hi fumos, vaidosos
De continuo a pullular,
Não ha peitos refalsados
Para o oiro acalentar!