Página:Flores do Mal (1924).pdf/110

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Vejo minha mulher em visão. Seu olhar,
Como o teu, manso gatinho,
Corta como um punhal; tem o mesmo brilhar...

Banha-lhe o corpo moreno
Um perfume subtil, – brando como um arminho,
E mortal como um veneno!