Página:Flores do Mal (1924).pdf/140

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

No torpor que sucede ás celas libertinas,
Tua recordação, mais bela e mais veemente,
Aos meus olhos febris surje constantemente.

O Sol amorteceu a luz das serpentinas,
Mas, sempre vencedor, teu rosto é semelhante,
O alma luminosa, ao sol mais deslumbrante!