Página:Flores do Mal (1924).pdf/165

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

LVI

Conversação


Tu és qual lindo ceu de outono, róseo e largo!
Mas a tristeza em mim lembra revolto oceano
Que aos meus lábios imprime, em seu fragor insano.
A acidez do limão, um paladar amargo.

Retira do meu peito, o deusa, a tua mão;
Eu sei, ó minha amiga, o que buscas e queres
Mas os dentes crueis, as garras das mulheres,
Levaram-me o melhor do pobre coração!