Página:Flores do Mal (1924).pdf/8

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

De DELFIM GUIMARÃES


Prosa:

ALMA DORIDA, com prefácio de Teixeira Bastos, 1893.

A «VIAGEM POR TERRA, DO SNR. JOÃO PENHA, 1898.

O ROSQUEDO, 1.ª edição, 1904, 2.ª, 1912.

ARES DO MINHO, 1908.

BERNARDIM RIBEIRO: O POETA CRISFAL, 1908.

THEOPHILO BRAGA E A LENDA DO CRISFAL, 1909.

ARQUIVO LITERÁRIO, 1.º volume (tomos I a IV), 1922/23. 2.º volume, — em publicação.

Verso:

A VIRGEM DO CASTELO, 1.ª edição 1902, 2.ª, 1907

FLORES DO MAL, interpretação em verso de poesias de Carlos Baudelaire, 1.ª edição 1909, 2ª 1924.

A ARVORE, 1910.

ALMA PORTUGUESA, 1916.

AOS SOLDADOS SEM NOME, 1921.

ASAS DE PORTUGAL, 1922.

O LIVRO DE BÈBÉ, com ilustrações de D. Raquel Gameiro Ottolini, 1.ª edição, 1917, 2., 1919. – No prélo, a 3.ª edição.

A publicar:
VERSOS DA MOCIDADE, refundição dos livros: Confidencias, 1894, Evangelho, 1895, e Outonaes, 1903.
ALMA PORTUGUESA, 2. edição, com ilustrações de Santos Silva (Alonso).
Teatro:

ALDEIA NA CORTE, drama em 3 actos, de colaboração com D. João da Camara, 1901.

JURAMENTO SAGRADO, comedia, 1 acto em verso, 1902.