Página:Herculano, Alexandre, História da Origem e Estabelecimento da Inquisição em Portugal, Tomo II.pdf/304

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


vêrno para sair, respondeu com a copia daquelle breve [1]. Entretanto, effectivamente exonerado e contando com a resistencia d'elrei a todos os seus actos, achava-se numa situação difficil de conservar por muito tempo. Assim, resolveu-se a partir nos fins de novembro[2], sem publicar a bulla declaratoria, nem a intimar aos inquisidores, deixando os christãos-novos de peior condição do que estavam, visto que iam acabar as garantias especiaes concedidas na bulla de 23 de maio, ao passo que lhes faltava um representante do pontifice, para quem appelassem dos excessos dos inquisidores.

Qual foi a caysa deste singular procedimento de um homem que até então protegera resolutamente os conversos e que tantas vantagens pecuniarias tirara dessa protecção ? Se

  1. E o que se deduz de um dos apontamentos para a resposta ás cartas de D. Pedro e de Santiquatro dos fins de setembro e principios de outubro (Corresp. Orig., f. 160): «Carta a D. Pedro sobre a yda do núncio em que se diga o que se passou qua com ele sobre sua ida e o breve que mostrou que se lhe de la mandou, e o que respondeu, e que se aproveyte deste queixume, etc.»
  2. Carta de D. Pedro Mascarenhas de 9 de março, na Corresp. Orig., f. 209.