Página:Historia do movimento politico que no anno de 1842 teve lugar na provincia de Minas Geraes v1.pdf/71

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
— 53 —


ideias de organisação social, invadem, usurpão e tendem a constranger no exercicio de suas attribuições os outros Poderes do Estado.

Ainda não se apagárão da memória dos Brasileiros as recordações das tramas , e violencias , que na eleição da actual Camara dos Deputados forão commettidas em quasi todos os pontos do Imperio. O triumpho eleitoral, calcadas embora as Leis do pudor, foi o objecto em que puzerão todo o seu desvelo as influencias , que a despeito da vontade Nacional então predominavão, e o resultado coroou seus deploraveis esforços , porque contão na Camara dos Deputados decidida maioria.

O Brasil inteiro , Senhor , se levantará pata attestar que em 1840 não houve eleições regulares. São irregularmente suspensas (até mesmo em massa) autoridades , cuja adhesão é suspeita, ou duvidosa; ordens com prevenção lavradas são confiadas aos agentes, que presidem á empreza eleitoral, para remover. obstaculos, e .impedir que predomine a vontade publica; empregados publicos são collocados na dura collisão de optar entre o sacrificio da sua consciencia, e o pão de seus filhos; operarios, de Repartições publicas, soldados, marinheiros de embarcaçoes de guerra, são constrangidos a levar á carga cerrada, em listas que lhes são impostas, um voto; de que não tem consciencia ; agentes subalternos da melhor Moralidade, e autorisados para proceder como lhes aprouver, arregimentão, e armão indivíduos, cujos direitos são mais que contestaveis, cuja nacionalidade mesmo é duvidosa, e muito dos guaes, não pertencendo ás Parochias, não tem nellas voto; estes regimentos invadem os Templos, arrancão das Mesas com vio1encia, e rasgando-lhes as vestes, Cidadãos que para as compor havião sido chamados, e os substituem por outros á força; expellem dos mesmos Templos com insultos, e ameaças Cidadãos pacíficos, que ahi concorrem para exercer um dos mais preciosos direitos do Cidadão livre, qual o de eleger os seus Representantes. E se esses regimen-