Página:Meu amor! adoro-te!.pdf/93

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Num Canto da Sala (Belmonte).jpg
NUM CANTO DA SALA

— Ora, Zéquinha! Você é muito creança para casar-se commigo !

— Mas eu não quero casar! Eu quero é ficar noivo...