Página:Novas Horas Marianas ou Officio Menor da SS. Virgem Maria Nossa Senhora.pdf/118

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
80
METHODO


Antes de começar a ler o Evangelho, diz o Sacerdote:
S. O Senhor seja comvosco. S. Dominus vobiscum.
M. E com o vosso espirito [1]. M. Et cum spiritu tuo.
S. Sequencia (ou principio) do santo Evangelho segundo N. S. Sequentia (aut principium) sancti Evangelii secundum N.
M. Glorificado sejais, Senhor. M. Gloria tibi, Domine.

Começa então a ler o Evangelho, o qual varia segundo as festividades ou ferias da semana. No fim da lição, respondem os Ministros: LAUS TIBI, Christe. Louvado sejais, Jesu-Christo; depois do que beija o Missal, dizendo:


Pelo Santo Evangelho, que acaba de ler-se, sejão perdoados nossos peccados. Per Evangelica dicta deleantur nostra delicta.
  1. Diz o Sacerdote estas palavras, para saudar o povo, como já fica dito, a quem vai annunciar o Evangelho, e para excitál-o a que renove sua attenção. Faz o signal da cruz sobre o livro dos Evangelhos, para dar a entender que a Doutrina de Jesu-Christo não obrou no mundo tantos prodigios senão pela virtude de sua Cruz; e persignão-se o Sacerdote e Povo para manifestar por este signal que não se envergonharão nunca das verdades do Evangelho, mas que as confessarão de bôca, e sempre as trarão gravadas no coração: por tanto é necessario que o Povo faça então estes signaes da cruz na tésta, na bôca, e no peito, com estas disposições. Finalmente estão todos em pé quando se lê o Evangelho para dar a entender que estamos promptos a obedecer á voz de Jesu-Christo, que nos falla nelle; e para mostrar, por esta postura, o respeito com que ouvimos as verdades que nelle se nos annuncião; d'aqui se vê qual é a attenção que devemos dar quando se ouve esta sagrada lição.