Página:Novas Horas Marianas ou Officio Menor da SS. Virgem Maria Nossa Senhora.pdf/261

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


grassão pestilentes doenças, sem que assim apraza á vossa vontade. Que digo, Senhor? não agita o vento a leve folha que da arvore se desprende, nem de minha cabeça um só cabello me cai, sem consentimento vosso! Louvada e adorada pois seja vossa providencia, Deos e Senhor meu; a ella me submetto sem murmurar, e della submissamente acceito todos os males que houver por bem de enviar-me, porque os mereço por meus peccadores, ou me quer provar neste mundo para merecer a gloria dos escolhidos no outro.

Grande sois, Senhor Deos omnipotente; grande é vossa virtude, e vossa sabedoria é infinita; Criador, Salvador, rico em graças, liberal em misericordias, compassivo e magnanimo; que não vos descuidais da salvação de vossas criaturas, que sois bom por natureza, e não só perdoais aos delinquentes, mas até os chamais á penitencia, e lhes dais tempo para se arrependerem. Vossa omnipotencia annuncião os Céos e a terra tirados do nada, e tantos astros luminosos suspensos no espaço! Vossa providencia attestão o calor do sol que