Página:Novas Horas Marianas ou Officio Menor da SS. Virgem Maria Nossa Senhora.pdf/481

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


PSALMO 62. Deus, Deus meus, etc.

Deos, Senhor meu, desde o romper do dia interrompo o sommo para meditar vossas divinas perfeições.

Inflammada então minha alma em vosso divino amor, suspira por vós com tão ardentes ancias que muitas vezes até se abraza meu corpo.

Nestes desertos estereis e solitarios, triste lugar de meu desterro, me presente diante de vós, Deos meu, como se fôra em vosso tabernaculo, e contemplo vosso poder e vossa gloria.

Ali me entrego á contemplação de vossa misericordia, que me é infinitamente mais doce que a vida, e levantarei sempre a vós minhas mãos para invocar vosso nome.

Minha alma se alimentará, e medrará com as consolações que sobre ella derramarêis, e resultará minha alegria nos louvores que vos darei.

Se ao tempo do repouso pensar em vós, privarei do somno a meus olhos para contemplarem vossa bondade, porque fostes vós o meu soccorro.