Página:Os Vilhancicos.pdf/71

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
: OS VILHANCICOS : 67

Fazia-se nesta altura a colheita pelos donos da casa e tudo abalava de roldão, em risadas alegres, em demanda de novo auditório.

Seguiam-se os Reis, de que damos, colhidos na mesma veia popular os cânticos, entoados por córos de vozes em diálogo:

1. Já lá vem (n)a Barca Nova,
Que fizeram (n)os pelingrinos.
2. Vai Nossa Senhora nela,
Toda cheia de cravinhos.
1. Já lá vem (n)a Barca-Nova,
Que fizeram (n)os pastores.
2. Vai Nossa Senhora nela,
Toda cheia de felôres.
1. Já lá vem (n)os tres Cavaleiros,
Que fazem sombra no mar.
2. Sam os tres do Oriente,
Que a Jesus vem buscar.
1. Não o encontraram na vila,
Nem tam pouco no logar,
Fôram dar com ele em Roma
Revestido no altar..

Já não haverá senão vagas reminiscências por alguns recantos perdidos de Portugal destas costumeiras representativas de doces e tranquilas crenças. As cerimónias do Natal, como as da Semana Santa, como tantas outras festas do culto católico, eram sempre pretexto para uma expansão de sentimentos de suave