Página:Pacotilha poetica.pdf/118

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
114
Se o anno lhe será


SENHORAS

2 Passareis o anno inteiro
  Felizmente na janella,
  Porque da casa os arranjos
  São para vós bagatella.

3 Hoje aqui nesta fogueira
  Entre o riso e o prazer,
  Mas para o Natal que vem,
  Senhora, tendes que ver!

4 Num copo exposto ao sereno,
  Minha senhora querida,
  Achareis assaz descriptas
  As scenas da vossa vida.

5 Triste sempre e pensativa
  Por um mal não prevenido,
  Pois o amante que adoras
  Será na guerra ferido.
 
6 Curando os callos aos velhos
  Vosso louvado marido,
  Tão moça e elle tão velho,
  Que bello tempo perdido.
 
7 Rindo, folgando e cantando
  Como aqui neste momento;
  Isto em parte, porque o resto
  Passareis em um convento.