Página:Pacotilha poetica.pdf/151

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
147
ou não falando?


HOMENS

2 Não falando a vossa voz
  E' peior que uma matraca;
  Grasnais tanto, que confundem
  Já comvosco a maitaca.

3 Falais que nem a araponga,
  Com tamanha vozeria,
  Que se vós nascesseis mudo
  Para vós melhor seria.

4 Não falando, pois quereis
  Passar por grande poeta,
  E não vedes que falando
  Dais idéas de pateta?

5 Falando todos se riem
  Das asneiras que soltais,
  Não falando sois um burro
  Que do serio não passais.

6 Não falando;—papagaio
  Não sabeis o que dizeis,
  Morre pela boca o peixe.
  Vós pela lingua morreis.

7 Não falando;— pois duvidas?
  Se falas dizes asneiras,
  Que fazem rir, por vergonha,
  Até mesmo quitandeiras.