Página:Pacotilha poetica.pdf/19

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
15
o que será?


HOMENS

2 Aquillo é cousa espinhosa,
  E eu não sei que será,
  Aquillo se descobrirem
  De aquillo não passará.

3 Ireis destes pátrios lares
  Longe, remoto, saudoso,
  Viver vida amargurada,
  Vertendo pranto amargoso.

4 Mui folgarão os juizes,
  Os escrivães folgarão,
  Que á custa de vossas custas
  Todos elles terão pão.

5 Nada, nada, porém ella
  Confusa e de arrufos cheia,
  Assaz vos estimaria
  Boa cama na cadêa.

6 Ella dirá: «Não mais quero
  Amar um inconstante,
  Que por quatro negras Minas
  Deixou a melhor amante.»

7 Dirão: « A' fé de suas juras
  Faltou, que faltou a amor.»
  E nunca mais as mulheres
  Vos hão de ver sem rancor.