Página:Pacotilha poetica.pdf/227

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
223
ama ou lhe aborrece?


HOMENS

2 Se eu soubera, vos dissera,
  Mas não sei, dizer não posso;
  Se ha odio aqui — todo é della,
  Se ha amor — todo é vosso.

3 Sois amado e aborrecido!
  Amado por uma velha,
  Aborrecido por uma moça
  Que co'um anjo se assemelha.

4 Aborrecido! E essa é boa,
  Já estais admirado?
  Quem desdenha quer comprar,
  Sois em tudo afortunado!

5 Amado! Porém é pena,
  Que tanto não mereceis,
  Que afóra velhas amantes,
  Só novatas contais seis!

6 Adeus minhas encommendas!
  E poderei tal dizer?
  Quem vos ama é um peixão
  Que vos finge aborrecer.

7 Todos vos amam, senhor,
  E todas vos aborrecem;
  Os homens pouco se importam,
  As moças bem vos conhecem.