Página:Til (Volume I e II).djvu/234

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


se; tirou da trempe a panela de feijão para deitar o boião d'água; e arranjando o saco, onde ainda estava o polme da véspera, que servia para dous dias, correu a buscar água para lavar a louça.

Entretanto o Gonçalo, derreado sobre o balcão, chalrava com o Chico sobre o que vinha a pelo:

— E o Bugre, como vai? perguntou de repente o Gonçalo.

— Eu lá sei, homem! Anda pelos matos, enquanto não dão cabo dele, que não tarda muito!...

— Então acha que o filam mesmo? acudiu o Gonçalo com um alvoroto de prazer, que mal disfarçou.

— É o mais certo! Dizem que estão lhe pondo cerco.

— Ora, isso há muito tempo!