Página:Ultimos Sonetos.pdf/117

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


ALMA MATER


Alma da Dôr, do Amor e da Bondade,
Alma purificada no Infinito,
Perdão Santo de tudo o que é maldito,
Harpa consoladôra da Saudade!

Das estrellas serena virgindade,
Caminho dos rosaes do Azul bemdito,
Alma sem um soluço e sem um grito,
Da alta Resignação, da alta Piedade!