Página:Ultimos Sonetos.pdf/63

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


FLORÉSCE!


Florésce, vive para a Natureza,
Para o Amor immortal, largo e profundo.
O Bem supremo de esquecer o mundo
Reside nessa limpida grandeza.

Florésce para a Fé, para a Belleza
Da Luz, que é como um vasto mar sem fundo,
Amplo, inflammado, mágico, fecundo,
De ondas de resplendor e de pureza.