Página:Ultimos Sonetos.pdf/94

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
88
ULTIMOS SONETOS


É preciso ter azas e ter garras
Para attingir aos ruidos de fanfarras
Do mundo da tu'alma augusta e fórte.

É preciso subir igneas montanhas
E emmudecer, entre visões estranhas
Num sentimento mais subtil que a Morte!