Tradução:Relato de Contos por Rebbe Nachman de Breslov/5

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Conto 5: O Filho do Rei que era feito de Pedras Preciosas[editar]

Tradução:Relato de Contos por Rebbe Nachman/5

Certa vez havia um rei. O rei não tinha nenhum filho. Ele foi e se consultou com doutores. Para que o seu reinado não passasse para estranhos. E eles não o ajudaram. Então ele decretou que os judeus rezassem por ele para que ele tivesse filhos. Então os judeus procuraram um "Tzadik" (Justo) para que ele rezasse e agisse para que ele tivesse filhos. Eles procuraram acharam um "Tzadik Oculto". E eles lhe disseram que rezasse para que o rei tivesse filhos. Ele respondeu que não sabia nada. E eles então informaram o rei (que havia um "Tzadik Oculto" só que ele dizia que não sabia de nada). Então o rei enviou um comando até ele e o trouxeram até o rei. E o rei começou a conversar com ele de uma forma bondosa: "Você sabe que os judeus estão em minhas mãos e que eu posso fazer com eles o que eu quizer, portanto eu te peço por bem que reze para que eu tenha filhos". E o "Tzadik" lhe prometeu que ele teria um filho esse ano e voltou para a sua casa. E a raínha teve uma filha. E a filha da raínha. era muito bonita. E quando ela tinha a idade de quatro anos ela já sabia todas as sabedorias e todas as línguas e tocar instrumentos musicais. E os reis de todos os países viajavam para vê-la. E havia uma grande alegria para o rei. Mais tarde o rei desejou muito ter um filho para que o reinado não passasse para um estranho. E ele novamente decretou aos judeus que eles rezassem para ele ter um filho. E eles então procuraram o "Tzadik" e eles já não o encontraram pois ele já tinha falecido. E eles então continuaram procurando e encontraram um outro "Tzadik Oculto" E eles lhe disseram que ele desse um filho ao rei. E ele disse que não sabia de nada. E eles novamente informaram ao rei e o rei também disse assim ao "Tzadik": "Você sabe que os judeus estão em minhas mãos etc...", conforme mencionado. Então a sábio (ou seja, o "Tzadik") lhe disse: "Eu preciso que você traga todos os tipos de pedras preciosas (ou seja, diamantes, jóias) pois cada pedra preciosa tem em si uma virtude diferente". E entre os reis existe um livro onde lá está escrito todas as pedras preciosas. E o rei disse: "Eu trarei até metade do meu reinado para que eu tenha um filho". E foi e lhe trouxe todas as pedras preciosas. E o sábio as pegou, as esmigalhou e pegou um copo de vinho e as entornou no vinho. E ele deu meio copo do vinho para o rei beber. E a outra metade para a raínha. E lhes disse que eles teriam um filho, que ele seria feito de pedras preciosas e que ele teria em si todas as virtudes de todas as pedras preciosas. E voltou para casa. E a raínha teve um filho. E houve uma grande alegria para o rei. Só que o filho não era feito de pedras preciosas. Quando o filho completou quatro anos ele era muito bonito e um grande sábio em todas as sabedorias e sabia todas línguas. E reis viajavam para vê-lo. E a filha do rei viu que ela já não era tão importante. Então ela teve inveja dele. Só que o seu consolo era que o "Tzadik" dissera que ele seria todo feito de pedras preciosas e bem feito que ele não era feito de pedras preciosas! Certa vez o filho do rei estava cortando árvores e fez um corte em seu dedo. E a filha da raínha correu para lhe fazer um curativo no dedo. E ela viu lá uma pedra preciosa. E ela teve muita inveja dele. E ela se fez de doente. E vieram vários médicos. E eles não a conseguiam curar. Então chamaram feiticeiros. E lá havia um feiticeiro e ela lhe revelou a verdade, que ela mesma se fez de doente por causa do irmão, conforme mencionado. E ela perguntou ao feiticeiro se era possível de se fazer um feitiço contra uma pessoa para ela se tornar leprosa. E ele disse: "Sim". Então ela disse ao feiticeiro: "Talvez ele possa procurar para si um outro feiticeiro que cancele o feitiço e ele então vai se curar". E o feiticeiro disse: "Se o feitiço for jogado na água então já não se pode mais cancelá-lo". E ela assim o fez. E jogou o feitiço na água. E o filhho do rei ficou muito leproso. Ele tinha feridas no nariz e no rosto e sobre o resto do corpo. E o rei se consultou com doutores, e com feiticeiros. E eles não o ajudaram. Então o rei decretou que os judeus rezassem. E os judeus procuraram o "Tzadik" (que tinha rezado para o rei ter um filho, conforme mencionado) e trouxeram diante do rei. E "Tzadik" costumava sempre rezar para D'-s Abençoado Seja Ele pois ele tinha prometido ao rei que o seu filho seria feito de pedras preciosas e isso não tinha se realizado. E ele argumentava com D'-s Abençoado Seja Ele: "Será que eu fiz isso pela minha honra? Eu fiz isso apenas pela Tua Honra e agora não se realizou como eu dissera". E o "Tzadik" veio ao rei. E o "Tzadik" rezou (ou seja, pela lepra do filho do rei para ele se curar) e não ajudou. Então o informaram que isso era um feitiço. E o "Tzadik" era mais poderoso que todos os feiticeiros. E o "Tzadik" veio e informou ao rei que isso era um feitiço e que tinham jogado o feitiço na água e que o filho do rei não poderia se curar a menos que jogassem o feiticeiro que fizera o feitiço na água. Então o rei disse: "Eu te dou todos os feiticeiros para que os jogue na água. Apenas que o meu filho se cure". E a filha da raínha teve medo e correu até a água para retirar o feitiço da água, pois ela sabia onde estava colocado o feitiço. E ela caiu na água. E se fez um grande clamor por a filha do rei ter se jogado na água. Então veio o "Tzadik" e disse que o filho do rei já ficaria curado. E ele se curou. E a lepra se ressecou e caiu e toda a sua pele se descascou. E ele se tornou todo de pedras preciosas. E tinha em si todas as virtudes de todas as pedras preciosas (pois quando a pele se descascou viram que ele era todo de pedras preciosas, assim como o "Tzadik" dissera).