Criou Deus na celeste Arquitetura

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Criou Deus na celeste Arquitetura
por Manuel Botelho de Oliveira


Ponderação da morte do padre Antônio Vieira, e seu irmão Bernardo Vieira ao mesmo tempo sucedidas

Criou Deus na celeste Arquitetura
Dois luzeiros com giro cuidadoso,
Um que presida ao dia luminoso,
Outro que presidisse à noite escura.

Dois luzeiros também de igual ventura
Criou na terra o Artífice piedoso;
Um, que foi da Escritura Sol famoso,
Outro, Planeta da ignorância impura.

Brilhando juntos um e outro luzeiro,
Com sábia discrição, siso profundo,
Não podia um viver sem companheiro.

Sucedeu justamente neste Mundo,
Que fenecendo aquele por primeiro,
Este também feneça por segundo.