Hino do município de Cláudio

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Cláudio
Letra por Elmo de Azevedo Fernandes
Melodia por Jair Geraldo Nogueira

Salve, Cláudio, Cidade Carinho
Salve, Salve, ó preciosa mãe-terra!
Exaltemos estrela altaneira;
Tu fulges tão linda no oeste mineiro

Cidade bendita, fascínio
De tardes fagueiras, de noites que brilham
Chaminés, que de longe se avistam,
Avisam ao andejo: eis nosso progresso!

No teu berço de heróis ancestrais
Pioneiros ousados, sesmeiros sonharam.
E nos sonhos, Paragem de Cláudio.
Entre os montes, outeiros, nacias triunfal!

Teu povo vibrante e ordeiro,
Que brinda de alcunha a gente irmã,
Com fé traz radiante no peito
A graça suprema de ser claudiense (bis)

Ali onde o trem apitava
Abrigas solene a memória dos filhos,
que um dia partiram em glória,
Neste chão sagrado fizeram história

Tu és nosso orgulho, Senhora
De rara grandeza destino fiel
E o Senhor, lá do alto, contempla
Tua casa, teus dias, ó terra gentil (bis)