Hino do município de Dores de Campos

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Dores de Campos
Letra por Paulo Terra
Melodia por Paulo Eustáquio do Nascimento


Esta velha e frondosa figueira
que te viu, pequenina, nascer.
dos antigos te fala altaneira,
não te deixa o passado esquecer.
  
A Matriz, por teus filhos erguida,
te aponta o caminho a seguir:
cada dia é começo de vida:
É viver, é lutar, progredir.
  
Dores de Campos,
Eu te amo, cidade em que nasci,
onde luto, trabalho e sou amado.
Bendigo a tradição do teu passado
e o futuro que existe para ti
Quem te viu nunca mais há de ouvidar-te,
terra amiga das festas e da arte,
Dores de Campos.

Sempre encantas a quem te procura,
em teu seio estranhos não há:
com abraços de extrema ternura
tu recebes que vem para cá

És humilde, tranqüila contente
mas és grande no teu ideal.
E teu povo tem mais que outra gente
o amor pela terra natal.