Hino do município de Jucurutu

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Eis as margens do Rio Piranhas
Na fronteira do Assu com o Seridó
Sob o azul de um límpido céu
Teve origem nossa são Miguel.
        
Foram os índios tapuios andantes
Com sua crença em Jacurutu
De rapina a coruja uma ave
Batizaram-na Jucurutu.
         
Município encravado entre serras
Oriundo de uma antiga capela
De um voto de Antônio Batista
Deu origem essa terra tão bela

Das riquezas que tem nessa terra
Da pecuária, ao minério eclodiu
O progresso essa gente descerra
É o orgulho do nosso Brasil.

Nosso peito se enche de orgulho
Pela nossa emancipação
Festejada em onze de outubro
Somos parte de uma grande nação

Que futuro da terra querida
Radiante como uma criança
Que a semente da paz dividida
Nasça, cresça e floresça a esperança.