Hino do município de Ponte Branca

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Ponte Branca
Letra por Aberaldo Freitas
Melodia por wagno Domingos
I

Terra água branquinha de amor
Que o homem bororo habitava
Falara assim os bandeirantes
Da madeira nasceu o seu nome
Veio de Deus o belo diamante
Assim é a nossa história
Do passado ao futuro presente
Nós te amamos ó terra de glória

II

Garimpeiros em ação no passado
Com trabalho de suas mãos pioneiras
Fez aqui nascer o povoado
Povo amado gente hospitaleira
A pecuária e a agricultura
Sucederem a mineração
São riquezas aqui permanentes
Que garante a todos o pão

Ponte Branca tu és
Ponte Branca eu sou
Ponte Branca és o nosso amor

III

Orgulhamos em ser brasileiros
Titulados de mato-grossenses
Mais a nossa alegria maior
Ser chamados de Pontebranquenses
Os seus filhos presentes te amam
Assim faz também todos os ausentes
Pois tu és o fruto maior
A razão de existir nossa gente

IV

Seu brasão é o conjunto sagrado
Que retrata o presente e o passado
Espelhando o futuro triunfante
Que a mão do seu povo garante
Sua bandeira verde e amarela
Marrom e branca de tanto valor
Es na terra a figura mais bela
Que a mão de Deus abençoou

Ponte Branca tu és
Ponte Branca eu sou
Ponte Branca és o nosso amor